top of page

Projeto omadodo: segundo momento expositivo

Comunicação Não-Violenta (CNV) e iniciativas anti-bullying


O Agrupamento de Escolas Professor Óscar Lopes realizou, entre os dias 28 de março e 4 de abril, o segundo momento expositivo do projeto omadodo, resultante do trabalho colaborativo entre professores e alunos de 5.º e 6.º anos, que, juntamente com a equipa omadodo, criaram projetos artísticos inspirados em Bansky e na Arte Pop, transmitindo palavras e expressões com valores importantes para promover a melhoria nos relacionamentos entre todos.


Esta exposição incluiu diversas ações em espaços e momentos distintos. No dia 28 de março, inaugurou-se a exposição que será divulgada nas plataformas digitais do Plano Nacional das Artes. O momento marcante deste dia consistiu numa Biblioteca Humana, na qual o convidado Guilherme Alcântara, Mestre de Artes Marciais, partilhou a sua história de vida ligada às Artes Marciais, falando do que o motivou a perseguir e a cultivar valores importantes, ao longo do seu percurso, e das crianças e jovens que acompanha.


Nesta ação, alunos de 5.º e 6.º anos tiveram a oportunidade de assistir a esta partilha e iniciaram a elaboração de um mural anti-bullying, com as aprendizagens retiradas da sua reflexão conjunta. Tiveram também, juntamente com o Mestre e os professores de Educação Física e a turma B do 7.º ano, a possibilidade de experimentar algumas técnicas de defesa pessoal.


A exposição permaneceu em exibição até ao dia 4 de abril, altura em que foram desenvolvidas mais duas ações relacionadas com a promoção da CNV e o combate ao bullying. Desta forma, numa articulação entre o Clube Ubuntu e alunos de 5.º e 6.º anos, foi explorada a história de vida de Mahatma Gandhi, enquanto líder defensor da Paz e da não-violência. No mesmo dia, os alunos do 3.º ciclo puderam assistir ao filme “Recreio”, do Plano Nacional de Cinema, e refletir sobre questões importantes relacionadas com a prevenção do bullying em contexto escolar. Foram ainda concluídos os murais anti-bullying, na sequência desta reflexão.


Neste, que foi o último dia de aulas antes da interrupção letiva da Páscoa, toda a escola se mobilizou em atividades diversas, no âmbito da Autonomia e Flexibilidade Curricular. Estas aprendizagens refletem todo o trabalho colaborativo e a importância das iniciativas e projetos que o Agrupamento potencia através do seu Projeto Educativo.




bottom of page